Clique aqui

março 17, 2021

Rejeição de Bolsonaro alcança 54% e bate recorde na gestão da pandemia.

Nenhum comentário | Deixe seu comentário.
A mais recente pesquisa de opinião do Instituto Datafolha, divulgada no fim da noite desta terça-feira 16, aponta um aumento na rejeição do presidente Jair Bolsonaro na gestão da pandemia. Em meio a um cenário de troca de comando no Ministério da Saúde e com recordes diários de mortes provocadas pelo novo coronavírus, 54% dos brasileiros veem a atuação de Bolsonaro como ruim ou péssima. É o maior índice desde que a pandemia começou, há um ano.

Na pesquisa anterior, realizada em 20 e 21 de janeiro, 48% reprovavam o trabalho de Bolsonaro à frente do país. Agora, o índice daqueles que acham sua gestão da crise ótima ou boa passou de 26% para 22%, enquanto quem a vê como regular foi de 25% para 24%. Não opinaram: 1%.

O Datafolha entrevistou, por telefone, 2.023 pessoas entre segunda (15/3) e terça-feira (16/3). A margem de erro é de dois pontos percentuais.

Segundo o instituto, 43% dos entrevistados apontam o presidente como o principal culpado pela fase aguda da pandemia, que já matou mais de 280 mil no Brasil desde março do ano passado. Governadores e prefeitos avaliam que o quadro de colapso na saúde ainda vai piorar nos próximos dias.

Fonte: Agora RN

Nenhum comentário:

Postar um comentário