Água adicionada de sais tem aumento a partir desta segunda (1º) e garrafão pode ficar até R$ 2 mais caro no RN, diz associação

Por Apodi Agora - fevereiro 01, 2021


Reajuste de 20% na indústria deve se refletir no valor pago pelo consumidor. Aumento teria sido motivado pela alta no preço do plástico e do diesel, segundo empresários. 

O garrafão de água adicionada de sais deve ficar mais caro para o consumidor potiguar a partir desta segunda-feira (1º). De acordo com a Associação Das Águas Envasadas e Adicionadas de Sais (Assindae), o reajuste na indústria foi de 20% e, para os consumidores, deve representar até R$ 2 a mais no preço do garrafão de 20 litros.


De acordo com o Presidente da Assindae, George Darlos, o que motivou o aumento foram os reajustes consecutivos no preço do plástico, principal matéria-prima usada na fabricação dos garrafões, tampas e lacres. Outro fator foi o aumento no preço do óleo diesel, que encarece também o transporte.

Em nota, a Associação informou que os garrafões tiveram aumento de 120%, os lacres, de 75% e as tampas, 62% somente no último ano.

O aumento deve variar de acordo com a marca, podendo ser de R$1 até R$ 2. Segundo a Associação, os consumidores já devem começar a perceber a diferença a partir desta segunda-feira (1º).

“Desde o ano passado, com início da pandemia, nós estamos sofrendo reajustes, principalmente no plástico. Nós vínhamos absorvendo esses reajustes, só que chegou uma hora que a indústria não consegue mais. Infelizmente, tem que repassar para o consumidor”, afirmou George Darlos.

De acordo com ele, o Rio Grande do Norte possui 15 indústrias de água adicionada de sais que geram cerca de 300 empregos diretos. O setor é responsável por cerca de 60% do mercado consumidor de água de garrafão de 20 litros no interior do Estado.

O último reajuste da água adicionada de sais, segundo a Associação, aconteceu em maio de 2018. “Na indústria esse aumento vai ser em torno de 20%. Mas é um efeito em cascata, quando aumenta na indústria, a distribuidora aumenta. Consequentemente, a ponta, o varejo, vai repassar esse aumento para o consumidor final”, disse.

Fonte: G1/RN

  • Compartilhar

0 comentários

Rádio Cidade FM 87.9

Rádio Cidade FM 87.9
Clique na imagem